30 julho 2006

MST ANTECIPA "PLANO B"


O artigo escrito em 12-5-05, "MST – Uma ameaça às instituições democráticas", quando a crise do mensalão ainda não eclodira, faz um relato da Marcha para Brasilia, que este movimento encetou, partindo da capital de Goiás, com 12 mil pessoas, tendo começado em 1 -5-05 e durado uns 12 dias; arrematando aquele relato, foi feito o seguinte comentário:

"O Partido dos Trabalhadores é uma hidra de 3 cabeças: a cabeça política, o PT; a operária, a CUT; e a rural, o MST. São irmãos siameses. No 1º ano de governo Lula, Jeferson Perez, do PDT, e Roberto Freire, do PPS, que o apoiaram nas eleições, já denunciavam que o PT não tinha um programa de Governo, mas de Poder; assim, não é de admirar a sofreguidão de Lula e de seus irmãos pela reeleição. Porém, cada parceiro-irmão é autônomo e alimenta uma pretensão; a de João Stédile, que dirige o MST, é a de um esquerdista radical, e a ele não agrada o esquerdismo moderado do Lula; mas não se descarta agora dele porque necessita das benesses que recebe do seu governo - para reforçar as suas hostes e criar as suas milícias, como as de Chavez - e do seu cacife eleitoral, de vez que é o único que tem no triunvirato; e estas benesses vêm, sobretudo, das verbas públicas dos INCRAs estaduais, dirigidas por superintendentes dos sem-terra e da Pastoral da Terra, e da partidarização do Estado, em plena implantação; assim, a reeleição é ardentemente querida pelo Stédile, mas com outras intenções, principalmente a de arrebatar o Poder, não só de Lula, como também de quem quer que nele esteja, para cubanizar o país; e nunca a esquerda radical esteve tão perto dele, Poder, como agora, em nossa História."
Por isso, crê-se que, nestas circunstâncias, caso o presidente Lula não seja reeleito em 2006, a posse do eleito estará seriamente ameaçada, de vez que o triunvirato PT, MST e CUT, sobretudo os "sem-terra", não irá se quedar passivo, conformando-se com a derrota e deixando fugir tão grande oportunidade histórica (a de estar no poder); deveremos ter a antípoda da transição do governo FHC para Lula."
Num artigo de 15-7-05, "Lula ainda pode sair desta crise como herói", depois de se falar sobre uma possível reeleição dele, foi escrito:

"...E isto se Lula antes não for engolido pelos radicais do MST, que trabalham na surdina, com o domínio de mais de 20 superintendências estaduais do INCRA, suas polpudas verbas, e suas milícias, cujas garras afina, em suas fechadas escolas, sem alarde, para dar o pulo do gato na hora adequada."

A esta altura dos acontecimentos façamos votos para que tais prognósticos não se realizem.
Em artigo de 12-2-06, "Vai ser difícil tirar Lula do Poder (II)", encerra-se o texto com as seguintes observações:

"Não devemos nos enganar com a tranqüilidade atual do MST. Os ataques que fazem ao Lula são só de fachada, e mesmo assim para combater a política macroeconômica de seu governo, que era a de FHC, e por que não foi feita a Reforma Agrária esperada nas terras do agronegócio, que são os únicos acertos do governo petista, e que poderão levar Lula à reeleição. Para o MST, o Lula é um inocente útil, no jargão comunista, mas importantíssimo para alcançar as suas metas de conquista total do poder (já que a conquista parcial já tem), pelas razões acima expostas. E estes 4 anos a mais, com a reeleição de Lula, são fundamentais para os seus desideratos; daí a calmaria. Porém, ficará inerte em face de uma vitória da oposição, no interstício entre a declaração do eleito e a posse?
Configurada a derrota do Lula, que deve estar na planilha do Movimento como uma alternativa, APLICARÃO O PLANO B DELES, QUE CERTAMENTE O TEM. E QUAL SERÁ? A CÚPULA DO PT, E ATÉ MESMO O PRÓPRIO LULA, CERTAMENTE QUE JÁ SABEM DESTE PLANO. O Lula porá nas ruas as Forças Armadas e a Policia Federal, no calcanhar dos revolucionários, para garantir a posse dos eleitos? Ou, docemente constrangido, aceitará surfar nas ondas do clamor popular, dos áulicos, e dos sanguessugas do valerioduto, revoltados com o "golpismo" das elites e dos despeitados por um metalúrgico que está fazendo o maior governo do Brasil-República, como eles dizem, e ficará no poder?"

As notícias que temos tido, recentemente, nos levam a crer que o MST antecipou o seu Plano B.
Vejamos algumas:

"Com ocupação de 14 áreas neste fim de semana, o MST de Pernambuco deu início ao que está chamando de '2006 Vermelho': um ano em que as invasões de terras serão intensificadas e ocorrerão mais cedo do que em outros anos." (O ESP, de 6-3-06, pg. A4);

"A onda de invasões que o MST iniciou em Pernambuco no fim da semana, com a ocupação de 15 propriedades, no chamado 2006 Vermelho, VAI SE ESTENDER AOS 23 ESTADOS, nos meses de março e abril" (O ESP, 8-3-06, pg. A13)";

a revista "Veja", de 15-3-06, pg. 88, noticiou a invasão de um centro de pesquisa da companhia Aracruz, em Barra do Ribeiro/RS, por 2000 mulheres, comparando à queima de livros do nazismo de Adolf Hitler na década de 1930, com a seguinte manchete: "O terror contra o saber – Braço feminino do MST destrói laboratório com mais de uma década de pesquisas" .

A colunista Dora Kramer, na pag. A6 do "Estadão" de 12-3-06, "Da invasão à destruição", depois de comentar os atos criminosos deste movimento, sob a complacência do governo federal, afirma:
"Caso o MST RESOLVA EXPLODIR SEÇÕES ELEITORAIS A PROPÓSITO DE PROTEGER A POPULAÇÃO DA ELEIÇÃO DE POLÍTICOS CORRUPTOS PODEREMOS MESMO DIZER O QUÊ, SE FICAMOS TODOS APENAS ESTUPEFATOS DIANTE DA DESTRUIÇÃO DE UM LABORATÓRIO DE PESQUISAS PARA PROTEGER A SAÚDE DO POVO?" (grifos nossos).

Apenas uma ressalva se faz à observação da colunista: acho que eles já resolveram explodir sim, seções eleitorais nas eleições, caso se configure a vitória de um candidato da oposição; e poderão até tomar por pretexto a vitória de corruptos, MAS, NA REALIDADE, DESEJAM BANIR DO PAÍS O QUE CHAMAM DE NEOLIBERALISMO CAPITALISTA, QUE É O ÚNICO IMPECILHO À REALIZAÇÃO DA REFORMA AGRÁRIA COMO ELES A CONCEBEM - NAS TERRAS PRODUTIVAS DO AGRONEGÓCIO; E ISTO SÓ SERÁ VIÁVEL COM A TOMADA DO PODER, E COM UM MÉTODO REVOLUCIONÁRIO DE CAUSAR INVEJA, SE VIVO FOSSE, AO MAIOR ESTRATEGISTA DA REVOLUÇÃO COMUNISTA DE 1917 NA RUSSIA, LÊNINE: AO INVÉS DE UTILIZAR UMA TROPA DE CHOQUE ARMADA, UTILIZARÁ MULHERES, CRIANÇAS, IDOSOS, E PESSOAS SIMPLES, COM FOICES, ENXADAS E QUEJANDOS, COMO "BUCHA DE CANHÃO", REALIZANDO OS OBJETIVOS QUE O LÍDER DELE, JOÃO STÉDILE, NÃO SE PREOCUPA EM OCULTAR, SEMPRE QUE É ENTREVISTADO.

E para quem subestima tais ameaças, é bom se evocar importante antecedente histórico; em uma das melhores biografias de Adolf Hitler, o autor afirma que ele não enganou ninguém, no que respeita à execução sumária dos judeus, levando para as câmaras de gás 6 milhões de pessoas, durante a 2ª Grande Guerra (1939/45); mesmo antes de o nazismo assumir o poder na Alemanha em 1933, em seus discursos vibrantes e ameaçadores, ele dizia que "iria esmagar os judeus como vermes quando no poder, por serem os responsáveis pelas desgraças e mazelas do mundo"; eram declarações tão absurdas, que sempre pensaram tratar-se de uma figura de retórica, de sintaxe; o que infelizmente verificou-se não ser. ("Hitler", de Joachim Fest, Editora Nova Fronteira)

autor: Alvaro Alves de Queiroz (Advogado)

6 Comments:

Blogger Claudia said...

Muitos absurdos da história da humanidade foram primeiramente entendidos apenas como 'figuras de retórica, de sintaxe'. Eu sinceramente espero, como noticiou o blog Resistência, que apareça a verdade sobre o caso Celso Daniel - e sobre muitas outras estorinhas do PT e sua corja. O entorpecimento em relação ao MST, Lula e cia. é incrível. O que pode vir por aí com a reeleição de Lula é perigoso e perverso. Abraços

7:31 AM  
Anonymous soldadonofront said...

CLAU A VERDADE É QUE VÃO MAIS UMA VEZ TENTAR JOGAR UM CADAVER NO QUINTAL DO PT.

8:52 AM  
Blogger Moita said...

Alexandre

Eu já disse, em artigo na Moita, o seguinte: O ano de 2008 e 2009 serão praticamente ingovernáveis, pra qualquer que seja eleito, inclusive Lula.

um abraço

2:37 PM  
Blogger janela para o mar said...

Olá Alexandre, veja isso:
Esse foi enviado por uma petista.
Olhe a que ponto chega o desrespeito à pessoa:
http://www.meunomeeregina.blogspot.com/
DIVULGUEM!
http://novas.blog-se.com.br

5:27 PM  
Blogger Orlando Tambosi said...

Só uma expressão me ocorre: vade retro!!

6:32 PM  
Blogger Saramar said...

Alexandre, boa noite.
Sempre agradeço por seus excelentes artigos que, para mim, são verdadeiras lições.

Quanto ao tema, eu sempre acreditei que as oposições (?) subestimaram, exatamente como você descreveu, a tragédia que seria a reeleição do "companheiro vermelho" não só para o país, como para o continente latino americano.
Dizem que o maior pecado do homem é o orgulho.
Eu diria que é a arrogância que, para mim, prevalece sempre que os que se dizem representantes do povo permitem que absurdos como esse governo (?) se instalem no poder e nele busquem todas as formas de perpetuação.
Já sabemos o que será do país nos próximos 50 anos:caos econômico, recrudescimento da violência no campo, ruína do agronegócio (basta ver os resultados da Coréia comunista), miséria e o descrédito do país frente ao mercado internacional.
Será isso que deixaremos para nossos filhos e netos?

Beijos, voltado das férias.

1:46 AM  

Postar um comentário

Links para este post:

Criar um link

<< Home