31 janeiro 2006

TEMPORAL NO RJ



Um temporal com uma hora de duração desabou sobre o Rio de Janeiro no final da tarde deste 31 de Janeiro.
Trânsito caótico, deslizamentos de terra, desabamento de uma escola, acidente com um caminhão de gás, outro na Ponte Rio-Niterói envolvendo um micro-ônibus e 2 mortes, além de 4 pessoas desaparecidas, são as notícias que temos até agora.

A imagem acima não é de um afluente do Rio Paraíba do Sul, mas da rua onde moro às 17:00 horas.

10 Comments:

Anonymous Saramar said...

Alexandre, boa noite.
Que coisa horrível! Mais mortes?
Todos os anos, essas tragédias se repetem. É como a seca nordestina.
A diferença é que lá, a prórpia natureza é cruel, como ensinou Euclides da Cunha. Já aí, no RJ, os homens, são iinconsequentes, por se aglomerarem tanto em tão pequeno espaço, com as consequências conhecidas: desmatamento, chão que se cobre com cimentos e pedras, lixo jogado em local inadequado e que vai entupir os canais de escoamento além, é claro da insensibilidade das autoridades.
Espero que tudo esteja bem aí na sua rua.

Beijo

10:49 PM  
Blogger Star said...

Oi Alexandre,

Infelizmente essa praga tomou conta da sociedade que não enxerga que a cada vantagenzinha, perde muito mais do que ganha, mas cada um quer se sentir especial, privilegiado, mesmo que por alguns segundos e a preço muito alto.
Quem leva uma vantagem aqui outra lá, não se sente no direito de cobrar quando é lesado.
Uma sociedade sem direitos, sem cidadania que não merece e não se dá o respeito.
A realidade é dura, mas é essa.
Muito bom teu post, parabéns.

2:00 AM  
Blogger Star said...

Quanto às chuvas,
Eu concordo com a Saramar que muito da culpa vem dos moradores, que espalham lixo por onde passam, constroem habitações na beira dos rios e córregos, transformando-os em lixão.
Isso não acontece só no Rio, São Paulo nesta época do ano vive em baixo d'agua mas, boa parte da culpa também é das autoridades que desviam o dinheiro público em vez de fazer obras e limpar as ruas.
" A cidade não esta preparada para tanta chuva", do modo como os prefeitos falam, parece que antigamente não chovia, a chuva foi inventada recentemente.
Mas o povinho que quer levar vantagem, não tem dignidade pra cobrar que o imposto que ele paga, deva voltar em benefício de todos e o político que não faz o que deve e rouba, não tem cara de cobrar da população que faça a sua parte.

Vou linkar teu blog,

Beijo

2:14 AM  
Blogger Santa said...

Em Pernambuco, Recife, área metropolitana e interior, temos a nossa tragédia que já virou tradição. Basta chover forte 24 horas, casas em bairros pobres e populosos descem morro abaixo,ou são carregadas pelas águas ribeirinhas (mortos, feridos, soterrados,desaparecidos, alojados ...) Isso se repete ano após ano. Prefeituras locais já desenvolveram até tecnologias meia-boca, e nem pensar em uma solução já que o evento é anual e mais do que previsível. Descobriram que é uma mina de votos: aquele que der a metragem maior de plástico para cobrir os barracos, uma cesta básica ou colchão, está eleito pelos desvalidos de “Deus”. E, até as próximas chuvas...

Bjs

10:32 AM  
Blogger Moita said...

Saramar

já disse tudo. E sem trcadilho, não gosto de chover no molhado.

Star, a chuva não foi inventada agora, mas por incrível que pareça, cada vez ta chovendo mais.

A recorrência anual de chuvas, em média, esta aumentando. Pouco, mas ta. O que só piora a situação.

Alexandre, abraços

11:07 AM  
Anonymous Barata Voadora said...

Um pena a população ter de sofrer nessas situações de extrema capacitação da natureza. Ou seja, água demais ou de menos...
Alexandre, esvaziei minha cx. de entrada, aguardo suas msgs. Bj e naftalina!

11:40 AM  
Anonymous Ritoca said...

Oi Alexandre!

Eu agora fico com medo sempre que chove forte. Passei maior sufoco para chegar em casa na sexta passada.
Seco, o Rio já não é grande coisa, alagado então, é o caos!
Fora o medo das doenças e o prejuízo que a água traz, ainda tem o perigo dos "arrastões"...

11:57 AM  
Blogger Serjão said...

Vc esqueceu de citar os intelectuais que dão suporte ideológico a este tipo de líder mesmo que o próprio léder não saiba do que se trata. daí para um marqueteiro convencer o resto não é difícil. Um grande abraço

8:07 PM  
Blogger Serjão said...

Postei aqui por que não consegui comentar no post acima

8:07 PM  
Anonymous Anônimo said...

Very cool design! Useful information. Go on! » »

1:08 AM  

Postar um comentário

Links para este post:

Criar um link

<< Home