02 maio 2006

EXPROPRIAÇÃO OU ROUBO?



O decreto do presidente da Bolívia Evo Morales de desapossamento de todas as empresas estrangeiras que exploram hidrocarbonetos no subsolo daquele país, dentre elas instalações da nossa PETROBRÁS, não pode ser candidamente denominado de expropriação, como tem sido divulgado pela imprensa e pelo governo brasileiro.
Senão vejamos o significado do verbo: expropriar – v.t. – rel. Desapossar alguém de sua propriedade segundo as formas legais e mediante justa indenização. (grifo nosso)

O ato deve ser nominado como realmente se apresenta – ROUBO – substantivo masculino derivado do verbo ROUBAR – v.t. Ato de subtrair, fazendo violência à pessoa ou coisa; despojar de dinheiro ou valores.


Pois não existe como aquele país indenizar ninguém, muito menos o Brasil, que através da PETROBRÁS, é responsável por 98% do refino de petróleo através das instalações “anexadas”.

Sabemos que o ato de roubar, quando praticado por pessoa física em nosso território, submete-se ao crivo do nosso Código Penal – art. 157.
Mas e no caso como o ocorrido, em outro país, por este e contra a nossa propriedade?
Para tais pendengas existe a Corte Internacional de Haia, um tribunal de nações, onde são julgados todos os casos de lesão ao direito dos povos e países, sendo portanto o foro adequado para o caso (com a palavra o Prof. Ozéas).
Mas ao que parece o Chefe do Executivo não cogita utilizar tal prerrogativa, ao contrário realiza uma “reunião de emergência”; extemporânea, forçoso dizê-lo; onde ao final divulga que vai pedir a intermediação: de quem?
Certa a resposta! Coronel Hugo Chavez .
Será o presidente da Venezuela o “nosso salvador da pátria” ? Como diria a GUSTA: “cruzes...”

Quanta pusilanimidade!
Fico imaginando se este "cocaleiro" se atreveria a ROUBAR algo do Reino Unido (a Argentina tentou em 1982), ou do Japão, ou da China.

Não preciso nem citar os EUA, Israel ou os países do "mundo árabe", porque aí a resposta ficaria por demais óbvia.

13 Comments:

Anonymous vera said...

Vamos ver no que vai dar... Não é por nada não, mas um índio cocalero com um analfa nordestino, que mais poderia dar? rsrs ;-)

9:59 PM  
Blogger Walter Carrilho said...

O cara deu um tiro no pé...E a gente ainda vai acabar assoprando só para manter a amizade...Cruzes...

11:25 PM  
Blogger Star said...

Alexandre,

Entendo sua preocupação, não sou boa em diplomacia, mas estou habituada a negociações.

Um país que exporta praticamente um único produto e quase todo para um único país, não pode ser tão arrogante, o que vai acontecer é que a indústria brasileira, escaldada vai usar outras formas de energia, como fazia antes do gás da Bolívia parecer um bom negócio.

Se nós não comprarmos, eles vão vender pra quem?

Eu sentaria e ficaria esperando o cocalero acabar o showzinho dele e depois o faria cair na real.

Beijo

1:29 AM  
Blogger Kafé Roceiro said...

Muito triste nossa situação, amigo Alexandre.
No mais, publicada sua sugestão.
Obrigado.
Kafé.

8:12 AM  
Anonymous Serpico said...

É verdade ninguem pode se aprorpiar de objetos ou bens que nâo le pertencem. Só que tem uma coisa: a Bolivia ha anos vem sendo rubada e desfalcada pela maioria dos paises, inclusive o Brasil, através da compra, a preço de "banana", do unico recurso com valor que possui: O GAS. Se o Evo decidir vender para os Estados Unidos esse gas. Venderia pelo dobro ou triplo do valor. Elevando a renda da Bolivia e podendo assim comprar tecnologia. Assim como fez o pilantrra de Chavez que na frente do povo fala mal dos Estados Unidos e por trás vende seu patroleo para abastecer os navios e aviões de guerra dos Americanos. Então vamos chamar as coisas pelo seu nome. O Evo está cumprindo uma promessa de campanha e está defendendo os poucos recursos que a Bolivia tem. NADA A FAVOR DELE, simplesmente vamos colocar as coisas em seu lugar.

11:05 AM  
Blogger Alexandre, The Great said...

Sérpico.

Complementando seu comment: ...o que, obviamente, não justifica apoderar-se de instalações que não lhe pertencem e nem anexar ao Estado boliviano mais de 50% do controle acionário das referidas empresas.

Também tenho "muitas balas" contra estes vagabundos sul-americanos!

11:36 AM  
Blogger Patrick Gleber said...

Lembro-me do que disse o presidente Lula quando da vitória de Evo Morales nas eleições presidenciais bolivianas: "nem os melhores cientistas políticos podem imaginar o que Evo Morales fará na Bolívia". Não sou cientista político, mas vou arriscar um palpite.

Veja o palpite no meu blog

PARICK GLEBER
www.pensarpolitico.blogpsot.com

12:26 PM  
Anonymous vera said...

Olá Alexandre: vim te convidar para ver as imagens proibidas que postei, antes que elas sumam ;-)bjs

4:06 PM  
Blogger Santa said...

Alexandre querido!
Cheguei.Foram 40 dias de férias. E o meu blog continua vivo. Incrível! Sou muito grata a vocês.
Bjs

5:20 PM  
Blogger Saramar said...

Olá Alexandre, boa noite.
Pergunto-lhe: O Chávez já assumiu o governo brasileiro?
Chavez e José Dirceu ao fundo e acima enquanto Lula e Moralez, os fantoches trocam insanidades frente aos holofotes? Seria isso?

Beijos

7:09 PM  
Blogger Alexandre, The Great said...

Saramar.

O coronel Hugo Chavez não "assumiu" apenas o governo brasileiro. Êle "assumiu" o governo da América do Sul, exceto por aqueles "impertinentes" chilenos, o resto está tudo no bolso do neocaudilho.

Bjs,

9:13 PM  
Blogger Kafé Roceiro said...

Concordo cuncê, amigão.
Isso é roubo dos feio!
Falta de vergonha na cara desse cocaleiro maldito.
Quero mais que expluda ele, o Lula, o Kincha e o Chuvisco.
abraço,
Kafé.

9:48 PM  
Anonymous Anônimo said...

That's a great story. Waiting for more. com plan retirement wellsfargo Acne tip treatment Venlafaxine spain Computer applications in developing countries how to plan for monthly expenses after retirement Cable tv signal Norton antivirus 2006 program and key gen Zoloft pregnancy Wiring diagram for cobra car alarms

9:07 PM  

Postar um comentário

Links para este post:

Criar um link

<< Home